Ambiente, Território e Sociedade

Ambiente, Território e Sociedade

  • Fotografia dos membros do GI
  • Dados quantitativos sobre o GI
  • Imagem do cais das colunas a preto e branco
  • Fotografia dos membros do GI em 2017

Objetivos

O GI ATS tem por objetivo principal desenvolver investigação interdisciplinar e análise crítica das dinâmicas, sociais, territoriais e de governança subjacentes a desafios socioecológicos e dos caminhos de transição para sociedades mais justas e sustentáveis. Reúne investigadores com formação em sociologia, geografia, planeamento, antropologia e história, entre outras.

As três principais linhas de investigação são:

- ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS, com enfoque na mitigação e adaptação local, nas suas causas antropogénicas, nas representações sociais e implicações socioecológicas e políticas. É promovido o envolvimento de stakeholders e comunidades, de forma a fomentar processos de aprendizagem social e auto-organização em matérias como erosão costeira, gestão da água e perceção de risco. São também abordados os aspetos sociais e culturais da energia: usos, aceitação de tecnologias, pobreza energética, práticas de energia transformativas.

- ALIMENTAÇÃO, com enfoque na segurança alimentar, consumo alimentar sustentável, planeamento alimentar urbano e práticas agro-alimentares. São abordadas perspetivas inovadoras sobre insegurança alimentar centradas no acesso e consumo e sobre o desenho e implementação de estratégias alimentares promotoras de sustentabilidade em zonas urbanas.

- TRANSIÇÕES URBANAS, com investigação direcionada para a compreensão dos fatores subjacentes às atuais crises socioeconómica e ecológica e para a promoção do debate público e da mudança política. Foca-se na análise dos obstáculos à mudança para futuros urbanos equitativos e sustentáveis que prevalecem nas mundivisões, nas preferências epistemológicas e no enquadramento de problemas..

A investigação no GI ATS é feita frequentemente em colaboração com investigadores de outras áreas científicas fora das ciências sociais e em parcerias internacionais. São desenvolvidos projetos financiados pela Fundação para a Ciência e Tecnologia e Comissão Europeia, bem como por várias outras entidades públicas e privadas, com e sem fins lucrativos. Membros do GI estão integrados nas Redes Temáticas Interdisciplinares e no Colégio F3 da ULisboa.

O GI ATS está envolvido em vários cursos de formação avançada do ICS, com destaque para o Programa Doutoral em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável, o Programa Doutoral em Sociologia: Conhecimento para Sociedades Abertas e Inclusivas, o Programa Doutoral em Estudos do Desenvolvimento e o Programa Doutoral em Sustentabilidade, assim como Escolas de Verão. O GI dispõe de uma importante ferramenta de disseminação, o OBSERVA Observatório de Ambiente, Território e Sociedade, que promove ações de formação e seminários sobre políticas e publica policy e research briefs e um blogue, para além de um leque alargado de outras atividades de disseminação de conhecimento a stakeholders e públicos não académicos (administração central e local, escolas, ONG, empresas, etc.)

 

Outros
Ambiente, Território e Sociedade
Seg . 10 Set . 09h30 a Sex . 14 Set . 17h30
Sala Polivalente
Seminários GI
Ambiente, Território e Sociedade
Sex . 21 Set . 10h00
Sala Polivalente
Gil Penha-Lopes, João Mourato, David Avelar, Luísa Schmidt, Luís Pereira, Inês CamposKent Queener e Yara Gutkin
Ciclos e Seminários Temáticos
Ambiente, Território e Sociedade
Ter . 19 Feb . 14h30 a 17h00
Sala 3 | ICS-ULisboa
Tulumello, S.(2017)Fear, Space and Urban Planning: a Critical Perspective from Southern Europe, pp.131SpringerOnline[Livro/Autor]
Liz, M.(2016)Euro-visions: Europe in Contemporary Cinema, pp.200Bloomsbury Academic[Livro/Autor]
Keller, K.Halkier, B.Wilska, T.-A.Truninger, M.(2017)Routledge Handbook on Consumption, pp.488Routledge. Taylor & FrancisOnline[Livro/Editor]
Truninger, M.Miele, M.Higgins, V.Bjørkhaug, H.(2017)Transforming the Rural: Global Processes and Local Futures Vol. 24, Research in Rural Sociology and Development, pp.382EmeraldOnline[Livro/Editor]
Ferrão, J.Delicado, A.(2017)Portugal Social em Mudança. Retratos Municipais, pp.76Instituto de Ciências Sociais da Universidade de LisboaOnline[Livro/Editor]
Tulumello, S.Inch, A.Bina, O.(2017)Transformative Knowledge for an era of Planetary Urbanization? Questioning the role of social sciences and humanities from an interdisciplinary perspective. [Position paper], pp.14N.A.Online[Acta]
Delicado, A.Rowland, J.Fonseca, S.Almeida, A. N. deSchmidt, L.Ribeiro, A. S.(2017)Children in Disaster Risk Reduction in Portugal: Policies, Education, and (Non) ParticipationInternational Journal of Disaster Risk Science Vol. 8, 3, pp.246-257SpringerOnline[Artigo em Revista]
Horta, A.Carvalho, A.Schmidt, L.(2017)The Hegemony of Global Politics. News Coverage of Climate Change in a Small CountrySociety and Natural Resources Vol. 30, 10, pp.1246-1260Taylor and FrancisOnline[Artigo em Revista]
Alves, S(2017)Conflitos institucionais no âmbito da Capital Europeia da Cultura Porto 2001 [Institutional conflicts in the context of the European capital of culture Porto 2001]Finisterra: Revista Portuguesa de Geografia Vol. 52, 104, pp.39-56Centro de Estudos Geográficos do Instituto de Geografia e Ordenamento do Território da Universidade de LisboaOnline[Artigo em Revista]
Inch, A.(2018)'Cultural Work' and the Remaking of Planning's Apparatus of Truth. In : Michael Gunder, Ali Madanipour and Vanessa WatsonThe Routledge Handbook of Planning Theory, pp.194-206Routledge.Taylor and FrancisOnline[Capítulo de Livro]
Miele, M.Truninger, M.Higgins, V.Bjørkhaug, H.(2017)Introduction. In :  Terry Mardsden, Mara Miele, Vaughan Higgins, Hilde Bjokhaug, Monica Truninger (Eds.)Transforming the Rural. Global Processes and Local Futures Vol. 24, Research in Rural Sociology and Development Emerald PublishingOnline[Capítulo de Livro]
Figueiredo, E.Delicado, A.(2018)Energias renováveis e desenvolvimento local em Portugal. Uma nova forma de subalternizar os territórios rurais? Vol. 2, In Ana I. Miranda, Myriam Lopes, Luís Tarelho, Filomena Martins, Peter Roebeling, Margarida Coelho, João Labrincha (Eds.), Ambiente e Direitos Humanos: Conferência Internacional de Ambiente em Língua Portuguesa, XX Encontro da Rede de Estudos Ambientais , pp.329-341Universidade de AveiroOnline[Acta]
Coordenação