Memória, História e Sociedade

Memória, História e Sociedade

O principal objetivo deste GI é o estudo das mudanças sociais, económicas, políticas e institucionais no mundo contemporâneo a partir de uma perspetiva histórica. A pesquisa privilegia o caso português e a estreita relação entre Portugal e os países historicamente próximos, tendo em atenção a sua inserção num mundo global.

A importância dos processos de construção, reconstrução e apropriação da memória histórica tem vindo a ser crescentemente assumida na agenda de investigação deste GI. Tal incursão reforça o lugar central do objeto histórico que estrutura a identidade do GI, desdobrando-se nas múltiplas abordagens a que os seus membros se dedicam, no âmbito da história política, social, económica, institucional, intelectual e cultural. As linhas de investigação prosseguidas pelos membros do GI são unificadas por um interesse comum: a produção de estudos sobre objetos históricos em temáticas relevantes para o conjunto da agenda de investigação do ICS sobre mudanças sociais no mundo contemporâneo.

O recurso a métodos de pesquisa e a heurísticas de investigação próprias do ofício de historiador, mas também utilizados por outros cientistas sociais, tem em atenção as múltiplas dimensões de análise indispensáveis ao estudo das sociedades contemporâneas, na perspetiva da identificação das origens de problemas e desafios societais, assim como da construção e  transmissão de memórias do passado que se repercutem no tempo presente. Deste modo, o GI confere continuidade ao próprio legado do ICS enquanto unidade de investigação que, desde a sua fundação, procurou sempre cruzar as contribuições das diversas ciências sociais e dos estudos culturais com o domínio da história. 

As continuidades e mudanças que ocorrem no mundo contemporâneo beneficiam de um enquadramento nas dinâmicas de longa duração em que tais processos se inserem. Recorrendo ao trabalho de pesquisa de fontes documentais e orais, e apetrechados de instrumentos de análise que permitem a construção de séries históricas de dados, os investigadores enquadrados neste GI promovem um diálogo construtivo e multidisciplinar que demonstra a importância da Memória e da História para o conhecimento da Sociedade.

Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Seg, 12/04/2021 - 14:30 a 16:00
Online
Rui Ramos, Nuno Gonçalo Monteiro, José Luís Cardoso e Isabel Corrêa da Silva
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Seg, 08/03/2021 - 14:30 a 16:00
ONLINE
Cristina Brito
Ciclos e Seminários Temáticos
Memória, História e Sociedade
Qui, 25/02/2021 - 15:00 a 16:30
ONLINE
Carlos Fernando Teixeira Alves
Workshops
Memória, História e Sociedade
Seg, 30/11/2020 - 14:00 a 16:00
ICS sala 1 e Online
Edward Madureira Brasil
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Seg, 29/06/2020 - 11:00 a 12:30
ONLINE
Renato Pistola
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Seg, 15/06/2020 - 11:00 a 12:30
ONLINE
Pablo Ortega-del-Cerro 
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Seg, 01/06/2020 - 11:00 a 12:30
ONLINE
Nuno Palma (with Leonor F. Costa and António C. Henriques)
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Sex, 28/02/2020 - 11:00 a 13:00
ICS -ULisboa Sala 1
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Sex, 21/02/2020 - 11:00 a 13:00
ICS_ULisboa Sala Polivalente
Tamás Vonyó
Seminários GI
Memória, História e Sociedade
Seg, 03/02/2020 - 11:00
Sala Polivalente | ICS-ULisboa
Valerio Torreggiani
Christ, G.Palma, NunoSmith, E.Velkar, A.(2020)How to read economic history sources quantitatively. In : G. Christ and P. Roessner (Eds.)History and Economic Life A Student’s Guide to Approaching Economic and Social History SourcesRoutledge[Capítulo de Livro]
Palma, Nuno(2020)Historical account books as a source for quantitative history. In : G. Christ and P. Roessner (Eds.)History and Economic Life A Student’s Guide to Approaching Economic and Social History SourcesRoutledge[Capítulo de Livro]
Birle, P.Muñoz Sánchez, A.(2020)Partnerschaft für die Demokratie Die Arbeit der Friedrich-Ebert-Stiftung in Brasilien und Portugal (Geschichte der internationalen Arbeit der Friedrich-Ebert-Stiftung, Band 14)Verlag J. H. W. Dietz NachfOnline[Livro/Autor]
Reis, J.(2020)Bagehot for “Followers”: How Did the Bank of Portugal Manage the First Post World War I Crisis?. In :  Brites Pereira, Luís, Mata, Maria Eugénia, Rocha de Sousa, Miguel (Eds.)Economic Globalization and Governance: Essays in Honor of Jorge Braga de Macedo, pp.13-34Springer[Capítulo de Livro]
Morrison, J. A.Cardoso, J. L.(2020)Postscript: The IntellectualOrigins of European Integration. In : A. M. Cunha and C. E. Suprinyak (eds.)Political Economy and International Order in Interwar Europe (Palgrave Studies in the History of Economic Thought), pp.403-422Palgrave MacmillanOnline[Capítulo de Livro]
Cardoso, J. L.(2020)Economists and Authoritarianism in Portugal (1926–1974): From Adherence to DissentResearch in the History of Economic Thought and Methodology Vol. 38B, pp.17-35EmeraldOnline[Artigo em Revista]
Simpson, D. (2020)The PIDE Between Memory and History: Revolutionary Tradition, Historiography, and the Missing Dimension in the Relation Between Society and Salazar’s Political Policee-Journal of Portuguese History Vol. 18, 1, pp.17-38Online[Artigo em Revista]
Muñoz Sánchez, A.(2020)¿Pero hubo influencia externa en la Transición? Mapeando el apoyo alemán al PSOE La Transición y sus relaciones con el exterior. In :  Mónica Fernández Amador y Rafael Quirosa-Cheyrouze y Muñoz (eds.)La Transición española y sus relaciones con el exterior, pp.371-402Silex[Capítulo de Livro]
Amaral, L.Silva, A. F. da(2020)A Long International Monetary Fund Intervention: Portugal 1975-1979FEUNL Working Paper Series No. 635Online[Working Paper]
J. Bohorquez(2020)Rio de Janeiro and the silver mining economy of Potosi: trans-imperial, global, andcontractual approaches to South Atlantic markets (18th century)Almanack Vol. 24, ed00419Online[Artigo em Revista]
J. Bohorquez(2020)[Book review] Bianca Premo, The Enlightenment on trial: Ordinary litigants and colonialism in the Spanish EmpireNUevo MUndo Mundos Nuevos Vol. 1Online[Recensão]
Ramos, R.(2020)A sombra presidencial: os presidentes da Primeira República revisitados (1911-1926). In :  Luísa Leal de Faria, Nelson Ribeiro, João Carlos Espada, Peter Henenberg (Eds.)Homenagem ao Professor Doutor Manuel Braga da Cruz, pp.211-231Universidade Católica de Lisboa[Capítulo de Livro]
Ramos, R.(2020)Antero de Quental. In : António M. Feijó, João R. Figueiredo, Miguel Tamen (Eds)O Cânone, pp.81-91Fundação Cupertino de Miranda / Edições Tinta-da-China[Capítulo de Livro]
Ramos, R.(2020)Oliveira Martins. In : António M. Feijó, João R. Figueiredo, Miguel Tamen (Eds) O Cânone, pp.393-406Fundação Cupertino de Miranda / Edições Tinta-da-China[Capítulo de Livro]
Ramos, R.(2020)Memórias. In : António M. Feijó, João R. Figueiredo, Miguel Tamen (Eds)O Cânone, pp.367-383Fundação Cupertino de Miranda / Edições Tinta-da-China[Capítulo de Livro]
Muñoz Sánchez, A.(2021)"Rotspanier" vs. Bundesrepublik. Der Kampf der spanischen Zwangsarbeiter der Organisation Todt um ihre Anerkennung als Opfer des Nationalsozialismus (1956–1972)Zeitschrift für Geschichtswissenschaft Vol. 69, 3, pp.240-259Online[Artigo em Revista]
Cova, A.(2021)Review of: Feminisms: A Global HistoryReviews in History, (review no. 2445)Online[Recensão]
Coordenação