O País Por Água Abaixo - Práticas de Risco e as Visões Científicas, Administrativas, Mediáticas

O País Por Água Abaixo - Práticas de Risco e as Visões Científicas, Administrativas, Mediáticas

Tendo como base a análise de documentos, de entrevistas e da observação directa de práticas locais, este projecto, que tem uma duração de 38 meses, irá estudar: 1) as características das interpretações populares, mediáticas, políticas/administrativas e científicas sobre a actual erosão da costa portuguesa, as suas causas, a importância e os riscos desse processo e as interacções que existem entre essas interpretações; 2) as interpretações desses agentes sociais sobre as medidas prospectivas, de precaução e paliativas, que deverão ser tomadas; 3) as práticas de risco e as avaliações, sobre este tema, efectuadas pelos diferentes agentes sociais (políticos/administrativos, económicos, populações) envolvidos na utilização e gestão do território costeiro.

Espera-se que o conhecimento produzido durante o projecto possa ser útil na gestão da erosão costeira, tanto ao nível local como nacional.

A equipa de investigação incluirá mais investigadores, da área das ciências sociais e de outros campos do conhecimento, de acordo com a evolução do estudo e do financiamento obtido.

Estatuto: 
Entidade proponente
Financiado: 
Não
Keywords: 

Erosão Costeira, Risco & Incerteza, Gestão do Território

Tendo como base a análise de documentos, de entrevistas e da observação directa de práticas locais, este projecto, que tem uma duração de 38 meses, irá estudar: 1) as características das interpretações populares, mediáticas, políticas/administrativas e científicas sobre a actual erosão da costa portuguesa, as suas causas, a importância e os riscos desse processo e as interacções que existem entre essas interpretações; 2) as interpretações desses agentes sociais sobre as medidas prospectivas, de precaução e paliativas, que deverão ser tomadas; 3) as práticas de risco e as avaliações, sobre este tema, efectuadas pelos diferentes agentes sociais (políticos/administrativos, económicos, populações) envolvidos na utilização e gestão do território costeiro.

Espera-se que o conhecimento produzido durante o projecto possa ser útil na gestão da erosão costeira, tanto ao nível local como nacional.

A equipa de investigação incluirá mais investigadores, da área das ciências sociais e de outros campos do conhecimento, de acordo com a evolução do estudo e do financiamento obtido.

Objectivos: 
Delimitar e compreender as interpretações dos cientistas, das entidades políticas e administrativas a diferentes níveis, dos meios de comunicação social e das populações (e a interacção entre essas interpretações) sobre a actual erosão costeira, as suas causas, a importância e riscos desse processo, e sobre as medidas prospectivas, de precaução e paliativas que deverão ser tomadas. <p>Observar e analisar as práticas de risco e avaliações, sobre este tema, dos diferentes agentes sociais envolvidos na utilização e gestão do território costeiro.</p><p>Produzir conhecimento que possa ser útil à gestão da erosão costeira, tanto ao nível local como ao nível nacional.</p><p> </p>
State of the art: 
To be developed during 2008, having as starting point the materials available in the site Ecoline (http://ecoline.ics.ul.pt).
Parceria: 
Não Integrado
Coordenador 
Data Inicio: 
01/11/2008
Data Fim: 
01/12/2011
Duração: 
37 meses
Concluído