Saúde e Estilos de Vida no Ensino Superior em Portugal

Saúde e Estilos de Vida no Ensino Superior em Portugal

O projeto Saúde e Estilos de Vida no Ensino Superior em Portugal (ES+Saúde) pretende caracterizar o estado de saúde e de bem-estar dos estudantes do ensino superior, bem como os comportamentos e atitudes promotores de saúde e prevenção da doença associados a mudanças de estilo de vida nesta etapa da vida, tais como hábitos de estudo, exercício físico, alimentação e sono, acesso a cuidados de saúde, consumos de substâncias e comportamentos aditivos, entre outros, tendo em consideração factores socioeconómicos, de género, origem social e geográfica, curso e nível de ensino (www.esmaissaude.pt). O estudo basear-se-á num inquérito por questionário aplicado a uma amostra probabilística estratificada e por aglomerados, que garanta a representatividade do universo dos estudantes do 1º e 2º ciclo do ensino superior público em Portugal de cada uma das 15 Universidades e de cada um dos 15 Institutos Superiores Politécnicos e 5 escolas superiores não integradas.

A multidimensionalidade dos resultados será útil para o desenvolvimento de políticas informadas e para a implementação de programas e atividades de âmbito nacional ou local, por parte de órgãos de decisão e das instituições do ensino superior, assim como de outras organizações do sector, que possam contribuir para a saúde e bem-estar dos/as estudantes, considerando a importância do contexto estudantil para o desenvolvimento de estilos de vida potenciadores de comportamentos de risco ou promotores da saúde e preventivos da doença, com impacto no seu sucesso académico e também ao longo da vida.

 

Estatuto: 
Entidade proponente
Financiado: 
Sim
Entidades: 
Fundação Calouste Gulbenkian
Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências (SICAD)
Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ, I.P.)
Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género
Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCM)
Banco Santander Totta, S.A.
Rede: 
Em colaboração com o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP) e o Conselho de Coordenação dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP), foi estabelecida uma rede de interlocutores para articulação com Universidades e Institutos Politécnicos
Keywords: 

ensino superior, saúde, estilos de vida, promoção da saúde, prevenção da doença

O projeto Saúde e Estilos de Vida no Ensino Superior em Portugal (ES+Saúde) pretende caracterizar o estado de saúde e de bem-estar dos estudantes do ensino superior, bem como os comportamentos e atitudes promotores de saúde e prevenção da doença associados a mudanças de estilo de vida nesta etapa da vida, tais como hábitos de estudo, exercício físico, alimentação e sono, acesso a cuidados de saúde, consumos de substâncias e comportamentos aditivos, entre outros, tendo em consideração factores socioeconómicos, de género, origem social e geográfica, curso e nível de ensino (www.esmaissaude.pt). O estudo basear-se-á num inquérito por questionário aplicado a uma amostra probabilística estratificada e por aglomerados, que garanta a representatividade do universo dos estudantes do 1º e 2º ciclo do ensino superior público em Portugal de cada uma das 15 Universidades e de cada um dos 15 Institutos Superiores Politécnicos e 5 escolas superiores não integradas.

A multidimensionalidade dos resultados será útil para o desenvolvimento de políticas informadas e para a implementação de programas e atividades de âmbito nacional ou local, por parte de órgãos de decisão e das instituições do ensino superior, assim como de outras organizações do sector, que possam contribuir para a saúde e bem-estar dos/as estudantes, considerando a importância do contexto estudantil para o desenvolvimento de estilos de vida potenciadores de comportamentos de risco ou promotores da saúde e preventivos da doença, com impacto no seu sucesso académico e também ao longo da vida.

 

Parceria: 
Rede Nacional

ES+ Saúde

Coordenador 
Data Inicio: 
01/11/2020
Data Fim: 
30/06/2022
Duração: 
20 meses
Concluído