Uma Monarquia Tradicional

Uma Monarquia Tradicional
Imagens e Mecanismos da Política no Portugal Seiscentista
Categoria: 
ISBN: 
9789726716792
Idioma: 
Português
Ano da primeira edição: 
2023
Data de publicação: 
2023/Set
Dimensão: 
145x210
Nº Páginas: 
520
Coleção: 
Referência
Formato: 
Capa Mole
22,00 €19,80 €

O livro Uma Monarquia Tradicional reúne um conjunto de estudos que fazem a anatomia da organização política e social da monarquia portuguesa dos séculos XVI a XVIII, tanto na metrópole quanto nos territórios ultramarinos. Através de uma análise profunda de questões constitucionais, de justiça, de fazenda e de guerra, bem como de reflexões em torno da identidade portuguesa, António Manuel Hespanha propõe uma excelente síntese dos argumentos que desenvolveu, em diferentes trabalhos, sobre o modelo constitucional português que operou durante esse período. Para o autor, em vez de se configurar como uma experiência estadual precoce, a monarquia portuguesa era profundamente tradicional, apresentando grandes continuidades em relação ao período medieval, nomeadamente no seu organicismo representado pela metáfora do corpo. Este conservadorismo intrínseco caracterizou, no essencial, os imaginários políticos dominantes e o modo de funcionamento da monarquia portuguesa até à segunda metade do século XVIII, explicando, também, as profundas resistências que se verificaram perante as tentativas de mudança.

Índice

Prólogo

Ângela Barreto Xavier e Pedro Cardim

p. 15
   

Introdução

Uma maneira de contar a história  

p. 45

Capítulo 1

As estruturas políticas na época moderna  

p. 51

Capítulo 2

Tradicionalismo e inovação   

p. 83

Capítulo 3

A questão constitucional  

p. 111

Capítulo 4

Justiça, graça, economia e política  

p. 197

Capítulo 5

Centro e periferia na época moderna  

p. 211

Capítulo 6

Os forais na época moderna  

p. 239

Capítulo 7

As finanças portuguesas nos séculos xvii e xviii  

p. 259

Capítulo 8

Guerra e sistema de poder  

p. 335

Capítulo 9

«Nação» e «reino». «União» e «Restauração»

p. 357

 

Capítulo 10

O modelo político do império colonial português

p. 419

 

 

António Manuel Hespanha (1945-2019), historiador e jurista, iniciou a renovação da história institucional e política da monarquia portuguesa e seus territórios ultramarinos da época moderna e do século XIX. Autor de dezenas de livros e centenas de artigos, traduzidos em várias línguas, com um enorme impacto internacional, a sua obra é de leitura fundamental para quem deseja estudar a monarquia portuguesa da época moderna, a monarquia constitucional, mas também o papel que o direito e os juristas tiveram na construção dos sistemas políticos da Europa do Sul.