A Empresa Agrícola

A Empresa Agrícola
Das Folhas do Feitor à Gestão Ambiental
ISBN: 
978-972-671-497-2
Idioma: 
Português
Data de publicação: 
2018/Dec
Dimensão: 
23x15
Nº Páginas: 
690
Coleção: 
Colecção Geral
Formato: 
Capa Mole
28,00 €25,20 €

Este livro centra-se na evolução da empresa agrícola – na sua estrutura e nos seus resultados – no decurso do século xx. Começa por um breve enquadramento histórico da agricultura, do ensino e da investigação social agrária. Da administração agrícola, tal como se configurava nos primeiros anos do século, à avaliação ambiental prevalecente no seu termo, vai todo um caminho de afinamento conceptual, de inventariação de métodos e técnicas conducentes à medição da eficiência económica do processo produtivo. O uso judicioso do solo, da água e do património genético, na óptica da preservação dos recursos naturais, anuncia uma mudança de paradigma: a eficiência é agora avaliada em termos agro-ambientais. Ao longo do texto fala-se das «folhas do feitor» – registos incipientes da contabilidade agrícola, dos modelos de análise e planeamento da empresa, da avaliação de investimentos. Discutem-se a agricultura familiar, os mercados, as novas tecnologias aplicáveis às tarefas agrícolas. Fala-se das políticas, da Política Agrícola Comum, nos seus aspectos económicos e ambientais, com peso decisivo na modelação do sector.

Maria Inês de Abrunhosa Mansinho, professora aposentada do Instituto Superior de Agronomia da Universidade de Lisboa. Lecionou disciplinas na área da Economia Agrária, tendo sido responsável pelo ensino de Gestão da Empresa Agrícola durante vários anos lectivos. O estudo dos Mercados Financeiros Rurais constitui o tema principal da sua actividade científica no plano do ensino pós-graduado e da investigação.