Os Progressos do Atraso

Os Progressos do Atraso
Uma Nova História Económica de Portugal
Autor(es): 
Categoria: 
ISBN: 
978-972-671-109-4
Data de publicação: 
2003/Jul
Dimensão: 
15x23
Nº Páginas: 
293
Formato: 
Capa Mole
19,96 €17,96 €

O atraso económico é um dos mais perenes temas de discussão entre cientistas sociais portugueses. São-lhe atribuídas várias causas, entre as quais a situação periférica, a fraqueza da sociedade civil, a falta de recursos naturais, a inexistência de Reforma, o centralismo excessivo, o intervencionismo do Estado, os níveis de educação insuficientes, o domínio da grande propriedade fundiária e tantos outros. É possível que os especialistas nunca cheguem a acordo na identificação das causas decisivas. E talvez isso não seja o mais importante. Realmente interessante é fazer, como Pedro Lains faz de modo exemplar, um esforço rigoroso de estudo e acompanhamento, a par e passo, do crescimento económico português ao longo de quase dois séculos, o que lhe permite mostrar como o atraso não é produto de uma causa singela. Depende de variáveis múltiplas e, em cada momento histórico, da situação geral. (António Barreto) Pedro Lains é um dos pioneiros e um dos autores de topo da nova corrente de historiografia económica portuguesa. As suas conclusões são baseadas em cuidadosas investigações estatísticas e em técnicas modernas de análise económica, em vez de assentarem, como anteriormente tanto se fazia entre nós, em inferências extraídas de informações muitas vezes pouco quantificadas ou apenas parcelares. O seu livro é uma referência indispensável para o estudo da história económica portuguesa desde meados do séc.XIX. Nele se apresentam explicações fundamentais para as questões mais relevantes dessa história. Entre outras, são especialmente interessantes as suas contribuições para a discussão da falta de convergência real da economia portuguesa em relação às dos países europeus industrializados desde meados do séc.XIX até ao fim da I Guerra Mundial e dos avanços na mesma convergência durante o período posterior até ao fim do século XX. (José Silva Lopes)

Pedro Lains, investigador coordenador do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, professor convidado da Faculdade de Economia e Gestão da Universidade Católica, e membro do Instituto Laureano Figuerola da Universidad Carlos III de Madrid. Foi professor visitante da Faculdade de Economia da UNL, das Universidades Carlos III de Madrid, Brown e Évora; e presidente da Associação Portuguesa de História Económica e Social, director da Imprensa de Ciências Sociais, secretário-geral da European Historical Economics Society, e director da Análise Social. Tem como área principal de investigação a História Económica dos séculos XIX e XX, preocupando-se sobretudo com o estudo do crescimento económico no longo prazo de Portugal e dos países periféricos da Europa; com o estudo da integração europeia; e com os problemas actuais da economia portugue

Shopping cart

Your shopping cart is empty.